Política de Privacidade

Através da presente Política de Privacidade, pretendemos informá-lo sobre a recolha, tratamento e uso dos seus dados pessoais no website morgadoamado.pt (doravante, “CONCESSIONÁRIO”).

 

Quem é o responsável pelo tratamento dos seus dados pessoais?

Identificação do responsável: Morgado & Amado, Lda., com o NIPC 501 155 970

Morada: Rua Joaquim Pires Jorge,16 – Zona Industrial do Feijó, 2810-083 Almada

Email: dadospessoais@morgadoamado.pt

Contacto do Encarregado de Proteção de Dados (EPD): Não disponível

 

Com que finalidades tratamos os seus dados?

Morgado & Amado, Lda. (doravante, “CONCESSIONÁRIO”), tratará os dados pessoais que nos disponibilizar, assim como todos aqueles que são recolhidos através do website morgadoamado.pt, com as seguintes
finalidades:

1.     Realização de teste dinâmico a um veículo: gestão do pedido dos utilizadores que nos contactem através do formulário “Test Drive”, com o propósito de gerir um teste dinâmico com um veículo da gama de veículos comercializados. Para tal, entraremos em contacto com o utilizador para agendar o referido teste dinâmico tanto por meios escritos como meios eletrónicos e telefónicos.

2.     Marcação de serviço: gestão do pedido dos utilizadores que nos contactem através do formulário de “Marcações” ao seu veículo de acordo com os seus pedidos e solicitações. Para tal, entraremos em contacto com o utilizador para agendar o referido serviço tanto por meios escritos como meios eletrónicos e telefónicos.

 

Como obtemos os seus dados pessoais?

Os dados pessoais que o CONCESSIONÁRIO trata podem ser obtidos:

• Diretamente de si, por meio de uma solicitação.

 

Que dados pessoais tratamos?

Como parte das funcionalidades e serviços oferecidos no website morgadoamado.pt, e limitado às finalidades previamente indicadas e para as quais prestou o seu consentimento, o CONCESSIONÁRIO trata as seguintes categorias de dados pessoais:

• Dados de identificação:

– Nome e apelido;
– Número de telefone;
– E-mail;
– Morada;
– Dados do veículo.

• Dados de informação comercial:

– Informação que nos tenha disponibilizado sobre as suas preferências (por exemplo, a título indicativo, mas não exclusivo: o tipo de veículo e/ou veículos que tenha interesse, o tipo de motor, a cor, o interior do veículo, o equipamento opcional e/ou acessórios).

 

Por quanto tempo conservamos os seus dados?

O CONCESSIONÁRIO irá conservar os seus dados pessoais durante o tempo que for necessário para cumprir a finalidade para a qual foram recolhidos, não sendo, em qualquer caso, conservados se nos solicitar o apagamento dos mesmos ou retirar o seu consentimento. Os seus dados serão também conservados durante o tempo necessário para dar cumprimento às obrigações legais que em cada caso sejam aplicáveis. No caso dos seus dados pessoais serem utilizados para várias finalidades que nos obriguem a conservá-los durante prazos diferentes, aplicaremos o prazo mais longo.

 

Qual é a legitimidade para o tratamento dos seus dados pessoais?

Os fundamentos jurídicos para os tratamentos dos seus dados pessoais, para as finalidades anteriormente descritas, são os seguintes:

O tratamento dos seus dados relativos a “Test Drive” e “Marcação de Serviço” é realizado com base no seu consentimento. Não obstante, pode retirar o seu consentimento a qualquer momento para qualquer das finalidades, sem que em nenhum caso, a retirada de algum destes consentimentos condicione a garantia de uma correta gestão da relação comercial ou ponha em causa a licitude do tratamento de dados anteriormente efetuado com base no consentimento até ao momento da sua retirada.

 

A que destinatários serão comunicados os dados pessoais?

O CONCESSIONÁRIO comunicará os seus dados a terceiros no cumprimento das obrigações legais que em cada caso sejam aplicáveis.

O CONCESSIONÁRIO trabalha com prestadores de serviços que desenvolvem a sua atividade nos seguintes setores: fornecedores de serviços tecnológicos e fornecedores de serviços de telecomunicações. No âmbito e para exercício dessas prestações de serviços subcontratadas, estes “subcontratantes” poderão ter acesso aos seus dados pessoais mas apenas procedem ao tratamento desses dados em nome e representação do CONCESSIONÁRIO, sempre e só de acordo com as expressas instruções que lhe sejam dadas pelo CONCESSIONÁRIO e em resultado do contrato celebrado entre esta última e aqueles prestadores de serviços.

O CONCESSIONÁRIO segue critérios rigorosos na seleção de prestadores de serviços, a fim de cumprir com as suas obrigações de proteção de dados, comprometendo-se a subscrever com os mesmos um acordo de tratamento de dados, que inclui, entre outras, as seguintes obrigações: aplicar medidas técnicas e organizacionais adequadas; tratar os dados pessoais para os fins acordados e respondendo exclusivamente às instruções documentadas do CONCESSIONÁRIO; e apagar ou devolver os dados ao CONCESSIONÁRIO após a conclusão dos serviços.

 

Quais são os seus direitos como titular dos dados?

Os direitos que pode exercer, enquanto titular dos dados, são os que se indicam de seguida:

 

– Acesso

Terá direito a saber se o CONCESSIONÁRIO trata os seus dados pessoais, assim como consultar os seus dados pessoais incluídos nos ficheiros do CONCESSIONÁRIO.

 

– Retificação

Terá direito a alterar os seus dados pessoais quando estes não sejam exatos, assim como, completar aqueles que estejam incompletos.

 

– Apagamento

Terá direito a solicitar o apagamento dos seus dados pessoais quando, entre outros motivos, estes já não sejam necessários para as finalidades para os quais foram recolhidos.

 

– Oposição

Terá direito a solicitar a que os seus dados pessoais não sejam tratados. O CONCESSIONÁRIO deixará de tratar os seus dados, salvo por razões imperiosas ou legítimas ou para o exercício ou defesa de um direito num processo judicial.

 

– Limitação do tratamento1

Terá direito a solicitar a limitação do tratamento aos seus dados pessoais numa das seguintes situações:

  • Durante a impugnação da exatidão dos seus dados;
  • Quando o tratamento for ilícito e se tenha oposto ao mesmo e solicitado a limitação do uso dos dados;
  • Quando o CONCESSIONÁRIO já não precisar de tratar os seus dados e você os precisar para o exercício ou defesa de um direito num processo judicial;
  • Quando se tenha oposto ao tratamento dos seus dados para o cumprimento de uma obrigação de interesse público ou para a satisfação de um interesse legítimo, enquanto se verificar que essas razões legítimas para o tratamento prevalecem sobre os seus.

 

– Portabilidade1

Terá direito a solicitar a limitação do tratamento aos seus dados pessoais numa das seguintes situações:

  • Durante a impugnação da exatidão dos seus dados;
  • Quando o tratamento for ilícito e se tenha oposto ao mesmo e solicitado a limitação do uso dos dados;
  • Quando o CONCESSIONÁRIO já não precisar de tratar os seus dados e você os precisar para o exercício ou defesa de um direito num processo judicial;
  • Quando se tenha oposto ao tratamento dos seus dados para o cumprimento de uma obrigação de interesse público ou para a satisfação de um interesse legítimo, enquanto se verificar que essas razões legítimas para o tratamento prevalecem sobre os seus.

 

– Canais de Atendimento

Poderá exercer os referidos direitos enviando um e-mail para dadospessoais@morgadoamado.pt ou por escrito para Rua Joaquim Pires Jorge,16 – Zona Industrial do Feijó, 2810-083 Almada*

*Para o exercício dos seus direitos, deverá juntar uma cópia do seu CC ou outro documento que comprove a sua identidade. Deverá também indicar o direito que pretende exercer.

 

Se considerar que o CONCESSIONÁRIO não tratou os seus dados pessoais em conformidade com o regulamento aplicável, poderá apresentar uma reclamação/queixa à autoridade de controlo competente, através do site www.cnpd.pt.

O exercício dos direitos é gratuito.

1) Disponível a partir do dia 25 de Maio de 2018